[ editar artigo]

Icterícia em bebês

Icterícia em bebês

Seu bebê nasceu e ainda na maternidade você recebe a notícia de que ele está com icterícia e precisa de banho de luz, mas o que é isso?

O Que é Icterícia?

A icterícia é muito comum em recém-nascidos, devido ao excesso de uma substância no sangue do bebê chamada “Bilirrubina” que é responsável por deixar a pele do bebê e o branco nos olhos com uma cor amarelinha.

 A bilirrubina é formada no processo de eliminação e renovação das hemácias (glóbulos vermelhos). Quando a bilirrubina está em excesso no sangue do bebê é causado a icterícia

A icterícia acontece porque o fígado do bebê ainda está imaturo e por isso não consegue realizar todas as suas funções, uma delas é fazer o metabolismo (transformação) da bilirrubina e quando isto falha o acúmulo de bilirrubina causa a icterícia.

Assim que nascem, os bebês são observados diariamente pelo pediatra neonatologista para verificar se a icterícia está ou não aparecendo. Observa-se a icterícia quando os olhinhos estão ficando amarelados, assim como a face, o tronco ou os membros, quando observado em qualquer um destes casos a bilirrubina é medida no sangue ou em um aparelho e quando esta dosagem está alta é indicado fazer a fototerapia.

Para fazer a fototerapia ou banho de luz o bebê precisa ficar sem roupas, embaixo de luzes especiais com uma fonte de calor para não sentirem frio. A fototerapia faz o trabalho do fígado, a luz que está diretamente no bebê incide na sua pele e transforma a bilirrubina impregnada na pele e nas mucosas em outra substância deixando a pele do bebê com coloração normal.

A Icterícia pode fazer mal ao bebê?

Quando a bilirrubina atinge níveis muito elevados pode atingir uma região especifica do cérebro, provocando uma doença grave chamada de Kernicterus. Essa doença pode comprometer o desenvolvimento do bebê, mas devido aos cuidados e a prevenção é uma doença muito rara.

Em alguns casos quando o sangue da mãe tem incompatibilidade com o sangue do bebê, a icterícia tende a ser maior e requer mais atenção, neste caso a mãe tem anticorpos que destroem as hemácias (componente dos glóbulos vermelhos do sangue) produzindo bilirrubina, ocasionando a icterícia que aparece logo no primeiro dia de vida.

O tipo mais comum de icterícia é aquele que deixa um amarelo nos olhos e no rosto do bebê e costuma aparecer no segundo dia de vida. O pediatra neonatologista só dará alta para o bebê quando os níveis de bilirrubina estiverem seguros, portanto em alguns casos o bebê sai da maternidade ainda com um pouquinho de icterícia, mesmo após ter feito fototerapia (banho de luz), mas que deve sumir por volta de quinze dias de vida, neste caso o pediatra que acompanhará as visitas de rotina deve ser comunicado para que possa estar atento.

Após a alta do bebê, a primeira visita ao pediatra deve acontecer nos primeiros dez dias de vida, mas em alguns casos é necessário que seja antes, para que o pediatra possa reavaliar a icterícia ou o ganho de peso que pode não estar adequado.

Dica: Após a alta do bebê é indicado um banho de sol durante 15 minutos entre 08:00 h e 10:00 h da manhã ou entre as 17:00 h e 18:00 h da tarde, procure um local tranquilo e sem ventos fortes.

 

 

 

Comunidade Bebê 123
Comunidade Bebê 123
Comunidade Bebê 123 Seguir

Redação Bebê 123

Ler matéria completa
Indicados para você